A.C.A.P. a oração que Deus ouve – Aviva a tua obra Senhor

Começamos uma nova série domingo passado:  AVIVA A TUA OBRA SENHOR. Estamos explorando o livro de Neemias e extraindo seus princípios eternos e concluímos: QUE PRECISAMOS SER DESTEMIDOS COMO OBREIROS DE DEUS,  ASSIM COMO NEEMIAS, QUE REAGIU DIANTE DAS NECESIDADE COM CUMPLICIDADE, AMOR, COMPROMISSO E TOTAL DEPENDÊNCIA DE DEUS EM JEJUM E ORAÇÃO. Hoje vamos para o segundo princípio:

A.C.A.P. A ORAÇÃO QUE DEUS OUVE

Neemias 1:5-11E disse: ah! Senhor, Deus dos céus, Deus grande e temível, que guardas a aliança e a misericórdia para com aqueles que te amam e guardam os teus mandamentos! Estejam, pois, atentos os teus ouvidos, e os teus olhos, abertos, para acudires à oração do teu servo, que hoje faço à tua presença, dia e noite, pelos filhos de Israel, teus servos; e faço confissão pelos pecados dos filhos de Israel, os quais temos cometido contra ti; pois eu e a casa de meu pai temos pecado. Temos procedido de todo corruptamente contra ti, não temos guardado os mandamentos, nem os estatutos, nem os juízos que ordenaste a Moisés, teu servo. Lembra-te da palavra que ordenaste a Moisés, teu servo, dizendo: Se transgredirdes, eu vos espalharei por entre os povos; mas, se vos converterdes a mim, e guardardes os meus mandamentos, e os cumprirdes, então, ainda que os vossos rejeitados estejam pelas extremidades do céu, de lá os ajuntarei e os trarei para o lugar que tenho escolhido para ali fazer habitar o meu nome. Estes ainda são teus servos e o teu povo que resgataste com teu grande poder e com tua mão poderosa. Ah! Senhor, estejam, pois, atentos os teus ouvidos à oração do teu servo e à dos teus servos que se agradam de temer o teu nome; concede que seja bem-sucedido hoje o teu servo e dá-lhe mercê perante este homem. Nesse tempo eu era copeiro do rei.”

 

Há alguns elementos essenciais na oração de Neemias que quero enfatizar nesta oportunidade:

        I. ADORAÇÃO/DIRIGIDA A ELE COM TODA HUMILDADE E REVERÊNCIA (v.5)

Neemias poderia começar sua oração rasgando o coração em lamento e auto-comiseração, mas ele adia o grito de socorro e sobe imediatamente para os céus, conforme faz a oração do Pai nosso, que começa: “Pai nosso que estais nos céus…”, pois é com Deus que está a visão correta, que não se mistura ao sentimentalismo humano.

  • “E disse: Ah! Senhor Deus dos céus…”

Esta verdade me faz lembrar do Salmo 121 “ Elevo os meus olhos para os montes…” Neemias não deixou que a situação de desespero o levasse a um desequilíbrio emocional e espiritual. Sua primeira atitude foi elevar sua atenção ao trono de Deus, pois em Deus estava a solução para aquele problema e não somente aquele, mas com Deus está a solução para qualquer problema, com Deus esta a solução para o seu problema, ALELUIA! Por isso não importa o problema, a crise a dificuldade ou o tamanho deles, nesta noite quero lhe fazer um pedido para que você: OLHE PARA DEUS E O ADORE! Você pode fazer isso?

  • “…Deus grande e terrível.”

Logo em seguida ele exalta os atributos de Deus e fala sobre o seu caráter de ser grande e tremendo ou terrível, reconhecendo a superioridade eterna de Deus diante da sua criação, colocando amigos ou inimigos no seu devido lugar de criatura. Este grande poder pode ser aplicado como alívio do terror para alguns, mas como terror para outros, dependendo do que você plantou.

Neemias então, exalta a onipotência de Deus e não o tamanho do problema, pois por maior que for o seu problema o nosso Deus, todo poderoso, é maior.

Este é o seu Deus, grande e terrível, todo poderoso, e se você tem plantado obediência, Ele virá em seu socorro! Exalte-o!

Deus estabeleceu um pacto com Moisés e outros patriarcas, incluindo Davi, que por causa da sua fidelidade não podia ser rompido, assim, Deus obrigou-se a cuidar do seu povo.

Nós a igreja, estamos sobre o pacto da Nova Aliança, que nos assegura que Deus cuida de nós. Ele se colocou como o nosso guardador. É Deus quem te guarda, não são seus país, seus amigos, a polícia, o seguro ou outra coisa qualquer. O Salmo 121.7-8 diz: “O Senhor te guardará de todo mal; guardará a tua alma. O Senhor guardará a tua saída e a tua entrada, desde agora e para sempre.”

A lembrança da Aliança com Deus suscita a questão da resposta da outra parte. A questão é: Será que temos amado e guardado os mandamentos de Deus? O homem tem responsabilidade de cumprir sua parte, se falhar nesta obrigação, o desastre virá, produzindo toda a espécie de desgraça e destruição. O cativeiro babilônico foi um exemplo disso. Deus enviou muitos profetas aos judeus antes que o caos acontecesse, mas eles não ouviram. Por isso, ainda estavam vivendo uma situação de desespero.

Quero convocar a todos as pessoas deste ministério a ouvir a voz de Deus, Deus tem usado profetas para nos alinhar a sua vontade, mas também sei, que se não corrigirmos nossa rota o desastre virá sobre a nossa vida, e creio que já tem alcançado a vida de algumas pessoas. Por isso ouça a Palavra de Deus.

 

     II. CONFISSÃO/A QUE CONFESSA ANTES DE PEDIR(v.6-7)

É notório nestes versículos, que os ouvidos de Deus e os seus olhos estão atentos diante das necessidades dos seus filhos e Neemias apela para esta realidade. Israel sempre passou por um ciclo de falhas: PECADO – CALAMIDADE – JULGAMENTO.

Diante do erro que você está vivendo faça como Neemias, ele confessou o seu pecado e o pecado do povo, clamando pela a graça e misericórdia de Deus, o Salmo 51.17 diz: “Ó Deus, o meu sacrifício é um espírito humilde; tu não rejeitarás um coração humilde e arrependido.”

Queridos, pela confissão vem o arrependimento e com o arrependimento a restauração. Você quer as coisas andem em sua vida? Cultive um espírito humilde, confesse os seus pecados, produza frutos dignos de arrependimento e seja restaurado pelo próprio Deus. ALELUIA!

A oração que funciona compõe-se de adoração, confissão em terceiro lugar…

 

    III. ARGUMENTAÇÃO/APRESENTA RAZÕES SEGUNDO A VONTADE DE DEUS. (v.8-11)

Neemias continua sua oração, relembrando das promessas que Deus havia feito ao seu povo, conforme Dt.30.1-5 que diz: “Moisés disse ao povo: Eu já anunciei a vocês as bênçãos e as maldições que Deus prometeu mandar. Quando ele fizer cair sobre vocês os castigos, e vocês estiverem espalhados por todas as nações onde o Senhor, nosso Deus, os tiver jogado, vocês lembrarão daquelas bênçãos e maldições. 2Portanto, se vocês e os seus descendentes se voltarem arrependidos para Deus e com todo o coração e com toda a alma obedecerem ao que ele manda fazer, conforme as ordens que hoje eu estou dando a vocês, 3então o Senhor, nosso Deus, terá pena de vocês. Ele os reunirá de todos os países por onde os tiver espalhado e os trará de volta à pátria. 4Mesmo que vocês estejam espalhados até os cantos mais distantes do mundo, o Senhor, nosso Deus, os reunirá e os fará voltar 5para a terra que os antepassados de vocês tinham possuído. Ela será de vocês, e Deus os abençoará ainda mais do que abençoou os seus antepassados.”

Nunca esqueçam está verdade:

“AS PROMESSAS DE DEUS SÃO A BASE DA ESPERANÇA”.

 Pergunte ao seu irmão: Você tem promessas de Deus? A Bíblia tem 8300 versículos que tratam de profecias para o futuro e entre elas existem centenas de promessas feitas para você, que é filho de Deus. O que Neemias fez quando a calamidade chegou, levantou sua voz ao céu adorando a Deus e fazendo confissão, logo relata as promessas que Deus tinha para aquele povo, que se eles se arrependessem o Senhor seria propício para com eles.

Esta verdade serve para você e para mim, independente do buraco que você se meteu, está na hora de levantar-se, erguer-se em adoração a Deus, confessando seus pecados e restaurar a esperança que está nas promessas que Deus tem para sua vida. 

Na argumentação além de evocar as promessas de Deus, Neemias cita o  histórico relacional consistente que Deus tinha com o povo de Israel (v.10) “Senhor, estes são teus servos, o teu povo. Tu os livraste do cativeiro com o teu grande poder e com a tua força.”

Deus tinha escolhido este povo, e seu relacionamento com ele vinha de muito tempo, quando Deus faz promessas a Abraão e Sara, libertando-os do Egito com Moisés,          Possuindo a terra com Josué, foi seu rei, deu rei a eles, e mais uma vez o povo precisa da ajuda daquele que é o dono do povo. O povo queria prestar culto a deus e estava impedido pelos seus inimigos.

Eu e você também temos um relacionamento estreito com o Senhor, amém? foi Ele que nos livrou do império das trevas e nos trouxe para o seu Reino de luz, pagou preço de sangue por nós a igreja, e por causa deste relacionamento, Deus nunca deixará de olhar para nós os seus servos.

Neemias fala a respeito do desejo do povo que é prestar culto a Deus e por causa da situação estavam impedidos.

O QUE ESTÁ IMPEDINDO VOCÊ DE PRESTAR CULTO A DEUS?

Seu trabalho, seus familiares, seus amigos, falta de dinheiro, eu tenho certeza que se você clamar a Deus por ajuda o Senhor irá mudar está situação, e você poderá vir até sua casa prestar culto ao seu nome.

A oração que funciona compõe-se de adoração, confissão, argumentação e por fim…

 

    IV. PETIÇÃO/A QUE ESTÁ FIRMADA NA SUA GRAÇA E NÃO NO FAVOR HUMANO. (v.11)

 A parte final da oração de Neemias tem dois elementos:

  • Como um servo de Deus pede prosperidade hoje.

Existia uma necessidade que precisava ser suprida e a ajuda divina se fazia necessária. Neemias como servo de Deus clama por esta ajuda, pois sabia que quando Deus age, há prosperidade. Hoje você precisa de ajuda? Quer ter prosperidade? Somente Deus pode dar o que você precisa. Porém você precisa…

  • Está firmada na graça de Deus e não no favor humano.

Neemias precisa de ajuda, dinheiro, materiais, trabalhadores e poder para reparar a triste condição que prevaleciam em Jerusalém, e tudo isso estava nas mãos do rei da Pérsia Artaxerxes, porém Neemias não foi correndo ao rei, foi correndo ao rei dos reis, aleluia! Faça a petição certa a pessoa certa! CORRA PARA DEUS!

 

A oração que Deus ouve, é a oração A.C.A.P. OU SEJA, COMPOSTA DE:

 

Bispo Pedro Luiz

 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *